Equipe técnica do Programa Corredor Azul, da Wetlands International, visita Corumbá para estudo sobre Hidrovia Paraguai-Paraná

18/04/2019

Equipe em visita a Agência Municipal Portuária | Foto: Arquivo PCA
Equipe em visita a Agência Municipal Portuária | Foto: Arquivo PCA

Na última semana, uma equipe técnica do Programa Corredor Azul (PCA), da Wetlands International, esteve em Corumbá para dialogar com diversas organizações locais, a fim de conhecer o ponto de vista dessas instituições sobre a Hidrovia Paraguai-Paraná (HPP) e suas influências para a cidade e Pantanal.

As entrevistas foram feitas no âmbito da pesquisa que culminará no "Relatório Técnico de Impacto da Hidrovia Paraguai-Paraná", que está sendo elaborado pelo PCA por meio de pesquisadores do Brasil e Argentina, e conta com a percepção da sociedade civil, organizações não governamentais e órgãos públicos. O documento abordará a conjuntura e factibilidade política, econômica, social e ambiental da mais recente proposta da HPP, com o intuito de identificar gargalos, cenários e riscos de uma possível implantação definitiva do empreendimento.

Foram entrevistados representantes da Embrapa Pantanal, Agência Municipal Portuária, UFMS campus Corumbá, Capitania dos Portos, Ong Acaia, Polícia Ambiental, Instituto Homem Pantaneiro e a oceanógrafa e empresária, Letícia Valentin.